Ela tem que ir para um campo de trabalho na Alemanha.

Margot é convocada

A convocatória Os judeus convocados recebem este documento do Departamento Central para a Emigração Judia: uma lista exata daquilo que podem levar com eles. Indica também quando é que devem partir.
  • Imprimir

No dia 5 de julho de 1942, Margot Frank é convocada, assim como milhares de outros judeus em Amesterdão. Ela deve ir para um campo de trabalho na Alemanha. Otto e Edith não têm a intenção de deixar ir a sua filha para a Alemanha nazi.

Anne escreve:

"Eu fiquei atordoada. Uma convocatória das SS: toda a gente sabe o que isso significa. Visões de campos de concentração e celas solitórias passaram-me pela mente." 

Tudo parece estar bem...

Nas semanas que seguem o seu aniversário, Anne escreve extensamente no seu diário: sobre os seus colegas de turma, sobre os rapazes da sua turma que tentaram abordá-la, sobre as classificações escolares prestes a sair... No dia 3 de julho de 1942, Anne recebe a sua primeira classificação no Liceu Judeu. Anne está moderadamente satisfeita, aparte do seu chumbo em Álgebra. Segundo Anne, os seus pais não estão preocupados com as suas notas: "Contando que eu esteja saudável e feliz, e não me porte demasiado mal, eles ficam satisfeitos." As férias de verão finalmente começam. No sábado Anne vai até a Oase, uma das poucas gelatarias que os judeus ainda estão autorizados a frequentar.

Uma página do Diário de Anne, 1942.

...mas depois algo chega pelo correio

Anne naquela tarde está a ler deitada ao sol quando, de repente, por volta das 15.00h, a campainha de casa toca: É o carteiro que traz uma carta registada para Margot: uma convocatória oficial. Margot deve apresentar-se para registo. Ela vai ser enviada para um campo de trabalho nazi na Alemanha. Esta convocatória não foi uma surpresa total. Circulavam já rumores desde há semanas sobre um tal decreto. Se Margot não se apresentar para registo, toda a família será presa.

Uma noite eletrizante

A noite de 5 de julho foi eletrizante. Os empregados da empresa de Otto que sabiam do plano apareceram para ajudar a transportar o máximo de coisas necessárias para o esconderijo.

O último postal enviado pelos Frank aos seus familiares em Basel. O carimbo tem a mesma data em que os Frank foram para o esconderijo. No postal, desejam a Lunni (Leni, irmã de Otto) feliz aniversário, apesar de o seu aniversário ser apenas a 8 de setembro

Indo para o esconderijo

Na manhã seguinte, muito cedo, Margot sai de sua casa e dirige-se de bicicleta, junto com Miep, para o esconderijo. Meia hora depois, Otto, Edith e Anne partem também. Levam vestidas muitas camadas de roupa, uma sobre a outra, e cada um transporta uma mala com diversas coisas da família. Caminham debaixo de chuva em direção ao esconderijo.

Naturalmente, Anne leva consigo o seu Diário. Algum tempo depois, olhando para trás, ela escreve: "A minha descontraída alegria, e os despreocupados dias de escola foram-se para sempre."

Margot é convocada Ela tem que ir para um campo de trabalho na Alemanha

No dia 5 de julho de 1942, Margot Frank é convocada, assim como milhares de outros judeus em Amesterdão...

Mais...

Escondidos Nenhum deles sabia quanto tempo teriam de se esconder

A partir do dia 6 de julho de 1942 a família Frank encontra-se escondida...

Mais...
Boekenkast

O esconderijo Uma estante de livros esconde a entrada

O enconderijo situado no nº 263 é relativamente espaçoso. Há espaço suficiente para duas famílias.

Mais...

Tensão e discussões Por vezes, as emoções saltam

Oito pessoas vivendo num espaço extremamente confinado, o Anexo Secreto é sufocante...

Mais...

Atividades diárias Ler e estudar ajudam a passar o tempo

As pessoas no esconderijo têm horários muito rígidos.

Mais...

Disputa-se a guerra Os protetores e a rádio trazem as últimas notícias.

"Hoje não tenho senão notícias sombrias e deprimentes que relatar...

Mais...